30 jun

SÃO PAULO – A definição do preço por ação na oferta do Banco do Brasil acontece nesta quarta-feira. Segundo fontes, havia a sinalização de que o valor ficasse por volta de R$ 26,50. A piora no humor dos investidores, porém, deve levar o banco a ter de aceitar um preço menor. Com base na cotação de fechamento de ontem (R$ 25,50), o BB pode obter pouco mais de R$ 10 bilhões com a operação.

Fontes observaram que, enquanto os investidores estrangeiros mostravam grande interesse pela operação, no varejo cujo período de reserva terminou ontem, a procura foi fraca, mas nada que ameace a colocação dos papéis. Até porque, como lembrou uma fonte, como a venda de pelo menos um quarto das ações já está garantida para o Fundo Soberano Brasileiro e para a Previ, fundo de pensão dos funcionários do BB, o risco de falta de demanda é pequeno.

O BB pretende emitir 286 milhões de novas ações ordinárias (ON) em uma oferta primária, cujos recursos reforçarão o patrimônio do banco, que pretende manter o ritmo de crescimento de concessão de crédito. A instituição venderá ainda outros 70,849 milhões de papéis que pertencem ao BNDESPar e dois fundos administrados pela Caixa Econômica Federal. Incluindo o lote suplementar, exercido caso haja demanda, serão vendidas até 396 milhões de ações. O BB Banco de Investimento é o coordenador líder da operação e atua ao lado de Merrill Lynch, BTG Pactual, Citigroup e JPMorgan.

As ações ON do BB encerraram o pregão de ontem em baixa de 4,14%.

Fonte : Economia & Negócios

Popularity: 1% [?]



About the Author: Garra Seguros
Especialista em seguros (31)4103-4652




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>