18 jan

Nessa época do ano, aumenta em até 40%, o número de pessoas que acionam o seguro no estado de São Paulo. E São José dos Campos tem participação nessa alta na procura.

Entre os motivos, imprevistos causados por fenômenos naturais. Com a chuva dessa semana, a precaução evitou que o prejuízo fosse bem maior.

Marcelo está diante de mais uma despesa neste começo de ano, R$3.176 é o valor da franquia do carro. Sem o seguro, o conserto custaria R$ 6 mil.

A lataria ficou assim quando parte de um muro desabou sobre o carro durante a chuva da última segunda-feira. Outros dois veículos também foram atingidos no centro de São José dos Campos.

“A hora que eu fui dar partida no veículo o muro desabou. Só deu tempo de dar a marcha ré e tentar evitar um estrago maior. Você está com o veículo estacionado, em uma via pública. Quem vai imaginar que vai cair um muro de três metros no seu veículo”, diz o analista de logística Marcelo Simão

No contrato de seguro aparece veículos atingidos por objetos, raios, submersos em enchentes e inundações e chuva de granizo. Mas atenção por que há seguradoras que especificam o exatamente o contrário. Que não cobrem esse itens.

“Quando fechar o contrato com o seguro é importante verificar as coberturas que você está contratando. Muitas pessoas fazem o seguro e não sabem nem o que ele cobre. Conversar com o seu corretor pra ele passar todas as coberturas que tem. Verificar com o corretor o que tem nas condições gerais, oque cobre e o que não cobre. Pra que a pessoa não fique na mão lá na frente”, explica o corretor Marcos Dalcin.

Fonte: Vnews

Popularity: 1% [?]



About the Author: renato




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>